• E-mail: comercial@rededigital.com.br | Whatsapp: 11 94195-8400

Como a Inteligência Artificial está mudando o Marketing Digital

676 381 Rodrigo Vedovato

A AI está se tornando muito presente no nosso dia a dia, mas o que isso significa para Marketing Digital?

Falar sobre Inteligência Artificial e sua intrusão inevitável em nossas vidas diárias tende a focar amplamente nos piores cenários possíveis para alguns profissionais. Mas a AI também tem o poder de mudar nossas vidas para melhor e revolucionar a maneira como interagimos com o mundo ao nosso redor.

As formas pelas quais percebemos o mundo ao nosso redor já estão mudando à medida que a tecnologia se desenvolve. Um estudo recente de Stanford e universidades de Cambridge afirmou que um computador pode saber mais sobre o seu usuário do que seus amigos e familiares.

A Inteligência Artificial foi usada para analisar 10 ‘Likes’ do Facebook, o que permitiu à AI prever e estudar a personalidade de um participante. Este é apenas o começo, com interações Machine to Machine (M2M) e Machine to Consumer (M2C) em alta todos os dias. No marketing, a IA abordará todos os aspectos da profissão, desde os meios pelos quais as campanhas são concebidas, executadas e medidas até a própria definição de marketing.

Chega de adivinhações no Marketing

A Inteligência Artificial pode ser mais focada em entregar anúncios para as pessoas, com menos adivinhação. A EMarketer prevê que cerca de 55% de todo o investimento em publicidade digital será impulsionado por iniciativas programáticas em 2019, já que o aprendizado de máquina tem precedência sobre a análise humana. Prevê-se que o número suba para 63% no próximo ano, o que representa US $ 20 bilhões em compras de anúncios programáticos. Com a AI, os profissionais de marketing poderão entender os consumidores em um nível complexo.

Toda a experiência será adaptada ao destinatário para garantir que todos os anúncios sejam relevantes, muito longe dos dias de cobertura geral e técnicas de marketing anteriores a AI. Assim como outdoors em estradas, os anúncios pré-AI dependiam de uma estratégia de publicidade genérica, projetada para distrair e conquistar. Infelizmente, esses esforços se traduziram em pouco mais do que palpites sobre o que os consumidores podem querer comprar com base nos poucos detalhes que a empresa poderia obter como o seu endereço IP. Esta abordagem à publicidade, no entanto, não conseguiu compreender o contexto das buscas de clientes individualizadas, um problema que a AI supera através da “aprendizagem inteligente”.

Publicidade personalizada se torna verdadeiramente pessoal

Quando se trata de compra de anúncios programáticos, o processo atual depende muito da capacidade de uma máquina tomar decisões. Variáveis ​​como localização, histórico de pesquisa anterior e sintaxe de texto de pesquisa são levadas em conta ao selecionar o anúncio, mas esses ainda são anúncios genéricos amplamente impessoais. Com a AI, os anúncios podem ser personalizados em um nível muito maior e entregues instantaneamente aos usuários com base em uma foto de perfil ou de todo o histórico de navegação. A AI pode “aprender” a evitar usuários que nunca interagiram com um tipo específico de anúncio. Toda vez que uma campanha semelhante é veiculada, ela sabe quem pode envolver e quem não tem nenhum tipo de interação naquele momento, segmentando apenas os usuários mais relevantes. É claro que a tecnologia por trás desse tipo de ultra-personalização ainda está sendo aperfeiçoada, mas até agora todos os sinais apontam para uma nova era no marketing personalizado.

Não podemos deixar de destacar a atuação na Inteligência Artificial no atendimento direto como vendas e suporte, seja através de chatbots ou uras. Isso vem criando um cenário totalmente novo, com atendimento 24h por dia 7 dias por semana, tendo um índice de acerto alto esse tipo de ação está cada vez mais comum em nosso dia a dia.

Websites se tornam mais precisos

Com a AI garantindo que os anúncios sejam segmentados com precisão, o envolvimento dos usuários será aprimorado, economizando receita significativa de publicidade para as marcas, garantindo taxas de conversão mais altas. Esta é uma boa notícia para as empresas, para os sites e para o usuário. Como as empresas estão gerando mais receita com menos veiculações de anúncios, os sites podem reduzir o número de anúncios para aqueles que são relevantes para esse usuário específico. Isso não apenas melhorará a experiência para os usuários, mas aumentará a probabilidade das pessoas se envolverem com a publicidade que veem.

O horário de expediente pode se tornar uma coisa do passado

Com a maior parte do tráfego móvel ocorrendo no fim de semana ou fora do horário comercial, quando essas equipes estão fora do escritório, a inteligência artificial surge como uma ferramenta de otimização. A inteligência artificial otimiza as campanhas em tempo real, retirando o aspecto do trabalho manual da equipe de marketing, ajuda também no atendimento aos usuários fazendo vendas e atendimento técnico.

Abraçar e desenvolvimento da Inteligência Artificial ​​é crucial para futuros esforços de marketing. Apesar de todas as histórias assustadoras, a AI é uma criação humana que pode ser aproveitada para enriquecer nossas vidas de várias maneiras. Ao deixar as tarefas mais comuns, demoradas e lógicas para a AI, nós nos liberamos para pensar de forma mais criativa, para concentrar nosso tempo e esforço em assuntos mais subjetivos.

 

WhatsApp chat